#htmlcaption1 Deus, força e luz O evangelho ensinado e vivenciado ha 99 anos

quinta-feira, 31 de outubro de 2013


ATENDIMENTO FRATERNO HOJE















HOJE O CENTRO ESPIRITA TERÁ ATENDIMENTO FRATERNO AO PÚBLICO:
LIMPEZA FLUÍDICA.
ACONSELHAMENTO ESPIRITUAL.
TROCA DE ENERGIA.
TRATAMENTO ESPIRITUAL.
ÁGUA FLUÍDICA.

'Antes de sair falando bobagens primeiro conheça para depois dar seu parecer, se não você estará sendo preconceituoso e irresponsável"
Ana Catharina Pessoa

DICA DE LEITURA

Psicografia: Hercílio Maes
Pelo espírito: Ramatís
Páginas: 448
R$40,50 
A origem e causa das moléstias, detida pelo conhecimento iniciático milenar, é transposta em linguagem clara e acessível, que abre extraordinários horizontes de compreensão do binômio saúde-enfermidade.
A etiologia, raízes cármicas, tratamento e cura do câncer são analisados desde sua verdadeira origem no "mundo oculto" das causas e em suas relações com a extinta Atlântida. Analisando a Homeopatia, Ramatís elucida o verdadeiro processo de atuação das doses infinitesimais, a amplitude de sua atuação nos corpos sutis e na raiz dos processos patológicos, suas infinitas possibilidades terapêuticas ainda não inteiramente exploradas, e as condições requeridas para o êxito integral do tratamento homeopático.
O capítulo "A Alimentação Carnívora e o Vegetarianismo" já se tornou um clássico sobre o tema, havendo desencadeado uma nova visão e postura comportamental em milhares de leitores, que assim se preparam para credenciar-se à cidadania terráquea do Terceiro Milênio.


Serenidade - Uma Terapia para a alma
De R$49,00 por R$41,65
Você Economiza: 15.00%

Pelo médium: Robson Pinheiro

Pelo espírito: Alex Zarthú

Páginas: 176

Para superar a si mesmo, de nada adianta aprisionar-se na culpa; há que se amarrar com perseverança, autoamor e, então, recomeçar a luta, tentar ainda outra vez.

“Toda a culpa do mundo, geradora dos conflitos íntimos, não tem existência real.”

Já se disse que a elevação de um espírito se percebe no pouco que fala e no quanto diz. Se é assim, Zarthú é capaz de pôr em xeque nossa visão de mundo sem confrontá-la; consegue despertar a reflexão e a mudança em poucos e leves parágrafos, em uma ou duas páginas. Autor de máximas que calam fundo na alma, propõe uma terapia simples como somente as pequenas coisas sabem ser, desde que feitas com amor. Venha conquistar a serenidade. “Não importa a natureza do problema ou a espécie de dificuldade. Ninguém é incapaz de realizações superiores.”

terça-feira, 29 de outubro de 2013

PREOCUPAÇÕES



Não se aflija por antecipação, porquanto é possível que a vida resolva o seu problema, ainda hoje, sem qualquer esforço de sua parte.
Não é a preocupação que aniquila a pessoa e sim a preocupação em virtude da preocupação.
Antes das suas dificuldades de agora, você já faceou inúmeras outras e já se livrou de todas elas, com o auxílio invisível de Deus.
Uma pessoa ocupada em servir nunca dispõe de tempo para comentar injúria ou ingratidão.
Disse um notável filósofo: "uma criatura

CHICO...


POEMA DA PAZ




O dia mais belo ? Hoje
A coisa mais fácil ? Equivocar-se 
O maior obstáculo ? O medo 
A raiz de todos os males ? O egoísmo 
O maior erro ? A guerra
A distração mais bela ? O trabalho
A pior derrota ? O desalento
Os melhores professores ? As crianças
A primeira necessidade ? Comunicar 
O pior sentimento ? O rancor
A pessoa mais perigosa ? A mentirosa
O caminho mais rápido ? O caminho certo
A maior satisfação ? O dever cumprido
O melhor remédio ? O otimismo
As pessoas mais necessárias ? Os pais
O mais imprescindível ? A Casa
O melhor presente ? O perdão
O sentimento que mais te bloqueia ? A tristeza
A força mais potente do mundo ? A Fé
O maior mistério ? A morte
A sensação mais agradável ? A paz interior
Madre Teresa de Calcutá

FEPI REALIZA CAMPANHA IMORTALIDADE DA ALMA


Com a proximidade do Dia dos Finados, no qual muitas pessoas relembram os entes queridos que já regressaram à dimensão espiritual, a Federação Espírita Piauiense aproveita para realizar a Campanha Imortalidade da Alma, com o propósito de levar esclarecimento e consolo aos que sofrem pelo sentimento de perda provocado pela morte do corpo físico.

O que a FEB Editora está fazendo

Prezado leitor, apresentamos a seguir a relação dos novos títulos publicados pela FEB Editora em 2012 e 2013.
 LANÇAMENTOS 2012-2013:
1. Anna Prado, a mulher que falava com os mortos, Samuel Nunes Magalhães;
2. Atendimento espiritual pelo passe (O), organizado por Marta Antunes Moura;
3. Conviver para amar e servir, de Helder Boska de Moraes Sarmento, Reinaldo Nobre Pontes e Sonia Regina Hierro Parolin;
4. Em nome do amor: a mediunidade com Jesus, de Divaldo Pereira Franco pelo Espírito Bezerra de Menezes;
5. Espiritismo e desenvolvimento sustentável: caminhos para a sustentabilidade, de Carlos Orlando Villarraga;
6. Estudos e crônicas de Hermínio C. Miranda, de Hermínio C. Miranda;
7. Evangelho aos simples, de Yvonne A. Pereira;
8. Família espírita (A), de Yvonne A. Pereira;

O que a FEB Editora está fazendo 2

Prezado leitor, apresentamos a seguir a relação dos títulos reeditados pela FEB Editora em 2012 e 2013.
REEDIÇÕES 2012-2013 – Título e tiragem
1. Ação e reação – 25.000
2. Além e a sobrevivência do ser (O) – 2.000
3. Bellinha e a lagarta Bernadete – 2.000
4. Bem-aventurados os simples – 5.000
5. Bezerra de Menezes – ontem e hoje – 2.000
6. Biblioteca espírita – 3.000
7. Boa nova – 10.000
8. Bom Louro – 2.000

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Humberto de Campos



Prefira afrontar o mundo servindo à sua consciência, a afrontar sua consciência para ser agradável ao mundo!

Na infância o que se ouve ou que se vê não sobe para o cérebro. Desce para o coração ou fica escondido.

"A natureza é sábia e justa. O vento sacode as árvores, move os galhos, para que todas as folhas tenham o seu momento de ver o sol."

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Entrevista com Zíbia Gasparetto


A confiança na vida eterna e na reencarnação são o leme para uma vida mais plena. Queremos saber mais sobre a espiritualidade e, com isso, viver melhor a vida. Quando a gente pensa em romance espírita, lembra da Zíbia Gasparetto. Desde 1994, a escritora e médium se tornou uma das presenças mais marcantes na lista dos livros mais vendidos...
São mais de 9 milhões de exemplares vendidos. São livros cuja trama nos prende do começo ao fim. Vivemos emoções novas e gratas lições de amor, coragem e superação. A leitura dos seus livros é muito gratificante.

Através dos seus livros aprendemos a modificar nossas vidas para melhor. Aprendemos também que a morte não existe! É apenas uma separação momentânea! Quantas pessoas não encontraram consolo e esperança através das obras psicografadas de Zíbia Gasparetto!

Frequentemente, ouço os seguintes comentários em meu consultório: "Não me interessava por essas coisas de espírito até que perdi alguém da família... Um dia me presentearam com um livro da Zíbia Gasparetto... Agora comecei a aprender sobre espiritualidade e que a morte não é o fim”.

Relacionamentos e espiritualidade


Basicamente, do ponto de vista da nossa missão na existência humana, temos três missões a serem realizadas:

1- Purificar nossas inferioridades: curar o medo, a raiva, o pessimismo, a ansiedade, a tendência de se isolar, a tendência de se magoar, a tendência de se deprimir, a tendência da agressividade, entre tantas outras emoções negativas.
2- Nos harmonizar com espíritos conflitantes: está nas relações um dos nossos maiores desafios. Conquistar harmonia, perdoar, aceitar, tolerar, desenvolver a paciência e o amor incondicional são os maiores desafios que surgem nos relacionamentos, portanto, configura-se uma importante meta a ser alcançada.

3- Gerar bons exemplos: é de se esperar que uma pessoa que esteja sintonizada com o seu Eu superior e a sua essência, que tenha naturalmente a tendência de construir atitudes que ajudam ao próximo, das mais diversas formas. As atitudes de doação - em diversos aspectos da existência - e da compaixão, surgem como consequência natural nas pessoas sintonizadas com suas essências.

TEMOS A TENDÊNCIA DE ACHAR CULPADOS
É muito comum encontrarmos pessoas que colocam a culpa dos conflitos e das crises conjugais na outra pessoa. Também é comum ver que em diversas situações, muitos elegem um obsessor ou uma influência espiritual maligna, como responsável pelo problema. Por isso, antes de adentrarmos a questão da obsessão espiritual nas relações matrimoniais, precisamos entender que na busca da harmonia, são atitudes simples que fazem toda a diferença. Elas se resumem em compreender que atraímos parceiros que tenham a capacidade de aflorar nossas afinidades, mas também nossas inferioridades. 

quarta-feira, 23 de outubro de 2013

Pensamento de Pietro Ubaldi

Pouco dura a dor que termina em lágrimas, e muito longo é o período em que o sofrimento permanece no coração.



O AMOR AO DINHEIRO - história de Chico Xavier


"Certa vez, visitando o cemitério de Uberaba, notei a presença de um espírito que, rente ao seu próprio túmulo, chorava arrempendido. Fora um rico comerciante na cidade e cometera suicídio. Eu o conhecera de nome. Percebendo que podia conversar comigo, após lamentar o gesto infeliz, que praticara por causa dos negócios que não iam bem, ele me disse:

- Chico, vocês, os espíritas, são os verdadeiros milionários da Terra!

Senti muito por ele, porque, de fato, o dinheiro, para quem apenas aprendeu a valoriza-lo, é um transtorno muito grande. Fazia muito tempo que ele estava ali, preso aos despojos, se lamentando . . . Conversamos por alguns minutos, e apesar da consciência que revelava de sua situação, ele não se mostrava com a menor disposição íntima de abandonar o local; aquilo era uma auto punição . . ."

(Do livro: O Evangelho de Chico Xavier)

O apóstolo Paulo, disse: “se temos o que comer e com que nos vestir, fiquemos contentes com isso. Aqueles, porém, que querem tornar-se ricos, caem na armadilha da tentação e em muitos desejos insensatos e perniciosos, que fazem os homens afundarem na ruína e perdição. Porque a raíz de todos os males é o amor ao dinheiro. Por causa dessa ânsia de dinheiro, alguns se afastam da fé e afligem a si mesmos com muitos tormentos.”

GRUPO DE ESTUDO ALLAN KARDEC

Anjos guardiões


Todos nós temos um Bom Espírito, ligado a nós desde o nascimento, que nos tomou sob a sua proteção. Cumpre junto a nós a missão de um pai junto ao filho: a de nos conduzir no caminho do bem e do progresso, através das provas da vida. Ele se sente feliz quando correspondemos à sua solicitude, e sofre quando nos vês sucumbir. Seu nome pouco importa, pois que ele pode não ter nenhum nome conhecido na Terra. Invocamo-lo, então, como o nosso Anjo Guardião, o nosso Bom Gênio. Podemos mesmo invocá-lo com o nome de um Espírito Superior, pelo qual sintamos uma simpatia especial.

Além do nosso Anjo guardião, que é sempre um Espírito Superior, temos os Espíritos Protetores, que, por serem menos elevados, não são menos bons e generosos. São Espíritos de parentes ou amigos, e algumas vezes de pessoas que nem sequer conhecemos na atual existência. Eles nos ajudam com os seus conselhos, e freqüentemente com a sua intervenção nos acontecimentos de nossa vida. Os Espíritos simpáticos são os que se ligam a nós por alguma semelhança de gostos e tendências. Podem ser bons ou maus, segundo a natureza das inclinações que os atraem para nós. Os Espíritos sedutores esforçam-se para nos desviar do caminho do bem, sugerindo-nos maus pensamentos. Aproveitam-se de todas as nossas fraquezas, como de outras tantas portas abertas, que lhes dão acesso à nossa alma. Há os que se agarram a nós como a uma presa, mas afastam-se quando reconhecem a sua impotência para lutar contra a nossa vontade.

Fonte: Aprendizado espírita

terça-feira, 22 de outubro de 2013

MUNDO ESPIRITUAL





O homem compõe-se de corpo e Espírito: o Espírito é o ser principal, racional, inteligente; o corpo é o invólucro material que reveste o Espírito temporariamente, para preenchimento da sua missão na Terra e execução do trabalho necessário ao seu adiantamento. O corpo, usado, destrói-se e o Espírito sobrevive à sua destruição. Privado do Espírito, o corpo é apenas matéria inerte,
qual instrumento privado da mola real de função; sem o corpo, o Espírito é tudo: a vida, a inteligência. Em deixando o corpo, torna ao mundo espiritual, onde paira, para depois reencarnar.
Existem, portanto, dois mundos: o corporal, composto de Espíritos encarnados; e o espiritual, formado dos Espíritos desencarnados. Os seres do mundo corporal, devido mesmo à materialidade do seu envoltório, estão ligados à Terra ou a qualquer globo; o mundo espiritual ostenta-se por toda parte, em redor de nós como no Espaço, sem limite algum designado. Em razão mesmo da natureza fluídica do seu envoltório, os seres que o compõem, em lugar de se locomoverem penosamente sobre o solo, transpõem as distâncias com a rapidez do pensamento. A morte do corpo não é mais que a ruptura dos laços que os retinham cativos.

Allan Kardec. O Céu e o Inferno. FEB.

TUDO PASSA!


A paz interior é o seu maior tesouro.
Não deixe que a ansiedade venha rouba-lá,
Nem permita que alguém a destrua.
Seja com atitudes ou comentários.
Seja você revestido da certeza, 
De que a noite mais escura vai passar..."

André Luiz

ORAÇÃO NOSSA



Senhor ensina-nos a orar, sem esquecer o trabalho.
A dar, sem olhar a quem.
A servir, sem perguntar até quando...

A sofrer, sem magoar, seja quem for.
A progredir, sem perder a simplicidade.
A semear o bem, sem pensar nos resultados...

A desculpar, sem condições.
A marchar para frente, sem contar os obstáculos.
A ver sem malícia...

A escutar, sem corromper os assuntos.
A falar, sem ferir.
A compreender o próximo, sem exigir entendimento...

A respeitar os semelhantes, sem reclamar consideração.
A dar o melhor de nós, além da execução do próprio dever, sem cobrar taxas de reconhecimento...

Senhor, fortalece em nós, a paciência para com as dificuldades dos
outros, assim como precisamos da paciência dos outros, para com as
nossas próprias dificuldades...

Ajuda-nos para que a ninguém façamos aquilo que não desejamos para nós...

Auxilia-nos, sobretudo, a reconhecer que a nossa felicidade mais alta
será, invariavelmente, aquela de cumprir seus desígnios onde e como
queiras, hoje, agora e sempre.

Chico Xavier

Começou segunda (21), a XXIV Semana Espírita Humberto de Campos


sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Ninguém diria em sã consciência que não deseja ser feliz.


                              Ninguém diria em sã consciência que não deseja ser feliz.
     Todos procuram, nos mais variados lugares e das mais diferentes formas.
     Como já disse Divaldo Pereira Franco: “O grande desafio da criatura humana é a própria criatura humana”, ou seja, o nosso grande desafio somos nós mesmos, nosso autoconhecimento.
     Sabemos que não somos somente aparência material, física. O ser humano é pré-existente ao corpo e a ele sobrevive. Através desse conceito é que conseguimos entender nossos enigmas, as problemáticas do inter-relacionamento, da dor, do desamor.
     Allan Kardec, diz no Evangelho Segundo o Espiritismo, que a felicidade não é deste mundo. Não quis ele, afirmar que aqui é um vale de lágrimas, mas sim, que este mundo é uma escola. E como toda escola, existe a disciplina e quem não respeita estas disciplinas precisa ser reeducado, repete de ano, no nosso caso, precisa voltar, reencarnar, recomeçar.
     A felicidade tem uma conotação diferente para cada criatura, de acordo com nível intelectual de cada um.
     Por estarmos a maioria, ligados ao material, muitos condicionam a conquista da felicidade à aquisição de bens materiais, outros ancoram o sonho da felicidade na busca da fama, do sucesso, do poder, para outros a felicidade está associada à inexistência de problemas, e a lista prossegue sem fim.

HOJE É SEXTA, UMA BOA MUSICA PARA REFLETIR...














Meu Jeito

E agora o fim está próximo
E portanto encaro o desafio final
Meu amigo, direi claramente
Irei expor o meu caso do qual estou certo

Eu tenho vivido uma vida completa
Viajei por cada e todas as rodovias
E mais, muito mais que isso
Eu o fiz do meu jeito

Arrependimetos, eu tive alguns
Mas aí, novamente, pouquíssimos para mencionar
Eu fiz o que eu devia ter feito
E passei por tudo consciente, sem exceção

Eu planejei cada caminho do mapa
Cada passo, cuidadosamente, no correr do atalho
E mais, muito mais que isso
Eu o fiz do meu jeito

Sim, em certos momentos, tenho certeza que tu sabias
Que eu mordia mais do que eu podia mastigar
Todavia fora tudo apenas quando restavam dúvidas
Eu engolia e cuspia fora

Eu enfrentei a tudo e de pé firme continuei
E fiz tudo do meu jeito

Eu já amei, ri e chorei
Cometi minhas falhas, tive a minha parte nas derrotas
E agora conforme as lágrimas escorrem
Eu acho tudo tão divertido

E pensar que eu fiz tudo isto
E devo dizer, sem muita tímidez
Ah não, ah não, não eu
Eu fiz tudo do meu jeito

E para que serve um homem, o que ele possui?
Senão ele mesmo, então ele não tem nada
Para dizer as coisas que ele sente de verdade
E não as palavras de alguém de joelhos

Os registros mostram, eu recebi as pancadas
E fiz tudo do meu jeito

quinta-feira, 17 de outubro de 2013














HOJE ATENDIMENTO FRATERNO
ATENDIMENTO ESPIRITUAL
TROCA DE ENERGIA
PASSE COLETIVO
AS 19:30 as 20:30hs.

Assim seja.



SERENIDADE

Pai, daí-me serenidade para superar as
dificuldades dos meus dias.
Permiti, Senhor, que eu tenha serenidade
para estar vigilante e não cair em
tentações; Serenidade para conduzir meu
trabalho, para que possa garantir o
meu sustento material;
Serenidade para ter sempre a consciência
dos meus sentimentos, para que eu saiba
amar meus semelhantes, vendo sempre em
cada um deles um irmão;
Serenidade para ter a palavra certa,

MENSAGEM DE CHICO XAVIER


Aprenda a ouvir aqueles que lhe buscam o auxílio: escutar para socorrer é uma arte valiosa. Muitos corações angustiados se recompõem, quando explicam as suas dores a alguém compadecido. Se alguém o busca, honrando a sua pequenez com o tesouro da confiança plena, detenha-se a escutar para atender. Um silêncio feito de entendimento significa participação cristã na agonia alheia. Seja o coração que escuta ajudando.

Chico Xavier

quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Caravana da Fraternidade – 60 anos


Originada em 1950, a Caravana da Fraternidade teve como objetivo uma maior aproximação dos espiritistas, visionando o ideal da unificação social da Doutrina. Ao longo dos anos, propaga culturalmente o Espiritismo e estimula as obras de assistência social inspiradas pela Doutrina. Confira, abaixo, um pouco mais sobre esse Movimento, suas lutas, história e personagens.

Algumas das paginas deste livro foram dedicadas ao Centro Espirita Perseverança no Bem, o mesmo foram recepcionados por Alarico da Cunha e Mirocles Veras na época então prefeito da cidade de Parnaíba, vale apena ler esse livro ele conta um pouco a historia da nossa Parnaíba esse livro é da FEB. 

Começa segunda (21), a XXIV Semana Espírita Humberto de Campos

A programação em homenagem a Humberto de Campos, patrono da semana espírita, consta de palestras, seminários e exposição. Realização UME Parnaíba - União Municipal Espírita de Parnaíba.
Veja programação.
21.10 - Palestra de abertura: Humberto de Campos - O Homem
Dr. antonio de Pádua Ribeiro dos Santos - Pres. APAL
19:30h - Auditório da Uespi
21 a 25 - Exposição "Vida e Obra de Humberto de Campos"
Casarão de Simplício Dias da Silva
Turnos manhã 8 às 12h e tarde 14 às 17h
24.10 - Palestra: Humberto de Campos: O Homem e o Espírito
Cel. José Lucimar - Pres. FEPI
19:30h - Centro Espírita Humberto de Campos
25.10 - Palestra: Psicografia como Prova Judicial

SAUDADE QUE FICA



Todas as pessoas
que passam pelas nossas vidas
deixam as suas marcas
num ir e vir infinito.

As que permanecem ...
é porque simplesmente
doaram seus corações para entrar
em sintonia com a nossas almas.

terça-feira, 15 de outubro de 2013

Ramatís

Escrito por Maria Aparecida Romano   
Na divulgação dos princípios elevados do espiritismo, cabe ressaltar 
o heróico trabalho dos instrutores espirituais, cujas mensagens
 transmitidas a encarnados se transformam em singelo e sincero
 convite para que a humanidade possa refletir seriamente nos
 benefícios que decorrem para o espírito em manifestar o Bem, 
o amor e o perdão.
Nas estradas dos séculos, vamos encontrar Ramatís, brilhante
 instrutor espiritual, na Indochina (sudeste da Ásia) no século X
, quando o amor por um tapeceiro hindu arrebatou o coração de uma vesta chinesa,
 que fugiu do templo para desposá-lo. Dessa união nasceu um menino, cabelos 
negros e olhos ternos, inteligência fulgurante, fruto das experiências adquiridas
 em encarnações anteriores.
Já havia se distinguido no século IV tendo participado do ciclo ariano nos
 acontecimentos que inspiraram a epopéia indiana Ramaiana, escrita em 
sânscrito, que relata a vida e as venturas de Rama, príncipe de Aydo-dhya,
 e de Sita, filha do rei Janaka, que representava a imagem perfeita do 
homem-rei e sua esposa. A união de Rama e atis (Sita ao inverso), 
resultou no nome Ramatís. No período da ascensão das teses esposadas 
por Sócrates, Platão e Diógenes, viveu na Grécia na figura de conhecido 
mentor helênico, pregando entre discípulos a imortalidade da alma, cuja
 evolução ocorreria através de sucessivas encarnações. Acentuava a consciência
 do dever e a espiritualização, incluindo o cultivo da música, da matemática e da
 astronomia.

Os guardiões

A atuação dos guardiões (exus) – espíritos que trabalham sob a tutela do Plano Superior – é ampla e foi retratada no livro Legião como fundamental no controle ou na vigilância de métodos de obsessão de entidades perversas, como as criações mentais parasitárias. O que são essas formas-pensamento inferiores e como acontece sua ação sobre os encarnados? Você pode falar um pouco a respeito delas?
No livro Além da Matéria, no capítulo 6, o espírito de Joseph Gleber explicou que quando há um pensamento organizado, a mente humana plasma em torno de si o produto dessa criação, seja ela boa, seja ela má. Então, toda vez em que houver persistência no pensamento desorganizado e uma emoção associada a esse pensamento, isso se transforma em algo a que chamamos de elemental artificial ou clichê mental, ou, ainda, criação mental. O pensamento passa a ter vida e começa a se movimentar por estar associado à emoção do campo gerador, ou seja, o ser humano.

LUTO


Na madrugada dessa segunda-feira nossa irmã Dulcicleide retornou à pátria espiritual, roguemos a Deus que seja recebida pelos bons espíritos que nos auxiliam, para que se recupere e possa  em breve, com a permissão de DEUS, retomar sua caminhada evolutiva, resta-nos ampara-la com muitas orações para que não só ela, mas todos os seus familiares e amigos compreendam a necessidade que todos temos de  empreendermos essas idas e vindas.
Muita Paz e Luz a nossa irmã.
fonte: blog do caridade e fe

segunda-feira, 14 de outubro de 2013

COM AMOR PARA DULCECLEIDE



















SE EU MORRER ANTES DE VOCÊ

Se eu morrer antes de você, faça-me um favor:
Chore o quanto quiser, mas não brigue comigo.
Se não quiser chorar, não chore;
Se não conseguir chorar, não se preocupe;
Se tiver vontade de rir, ria;
Se alguns amigos contarem algum fato a meu respeito, ouça e acrescente sua versão;
Se me elogiarem demais, corrija o exagero.
Se me criticarem demais, defenda-me;
Se me quiserem fazer um santo, só porque morri, mostre que eu tinha um pouco de santo, mas estava longe de ser o santo que me pintam;
Se me quiserem fazer um demônio, mostre que eu talvez tivesse um pouco de demônio, mas que a vida inteira eu tentei ser bom e amigo...
E se tiver vontade de escrever alguma coisa sobre mim, diga apenas uma frase:
-"Foi meu amigo, acreditou em mim e sempre me quis por perto!"
Aí, então derrame uma lágrima.
Eu não estarei presente para enxugá-la, mas não faz mal.
Outros amigos farão isso no meu lugar.
Gostaria de dizer para você que viva como quem sabe que vai morrer um dia, e que morra como quem soube viver direito.
Amizade só faz sentido se traz o céu para mais perto da gente, e se inaugura aqui mesmo o seu começo.
Mas, se eu morrer antes de você, acho que não vou estranhar o céu.
"Ser seu amigo, já é um pedaço dele..."
Chico Xavier

PARA A DULCE COM AMOR


 DULCECLEIDE
Ofereço hoje este espaço a trabalhadora do bem e perseverante DULCECLEIDE, uma filha de DEUS que hoje se encontra ao lado de espíritos que nos ajudam nós que ficamos aqui no hospital de almas.
DULCE como era chamada carinhosamente pelos trabalhadores do Centro espirita "Caridade e fé" não a perdemos vai estar mais esclarecida e firme para nos ajudar mais ainda apareça minha amiga de vez em quando acompanhada de seus amigos elevados: Josefina e Dr. Wagner (ta bem de amigo)...a saudade fica mas o consolo de saber que você esta bem assistida nos fortalece.
Assim seja 

Prece:
“Senhor onipotente, que a tua misericórdia se estenda sobre os nossos irmãos que acabam de deixar a Terra! Que a tua luz brilhe para eles! Tira-os das trevas; abre-lhes os olhos e os ouvidos! Que os bons Espíritos os cerquem e lhes façam ouvir palavras de paz e de esperança!

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

ATENDIMENTO FRATERNO


















HOJE ESTAREMOS ESPERANDO POR VOCÊ!
-ATENDIMENTO FRATERNO.
- ACONSELHAMENTO ESPIRITUAL.
- DOAR E RECEBER DE ENERGIA.

ASSIM SEJA

Contatos imediatos




Há vida inteligente fora da Terra? Existem, mesmo, os chamados ÓVNIs (objetos voadores não identificados) ou UFOs, naves supostamente tripuladas por extraterrestres? Estas e outras perguntas são feitas pelo homem há milênios, impressionado com a vastidão do universo, povoado de bilhões de galáxias.

Muitos não acreditam em ÓVNIs, tachando os que relatam tais avistamentos de fantasistas, alucinados, desequilibrados e fraudadores.Sem embargo dos equívocos de interpretação dos fenômenos,há realmente fantasias, alucinações, desequilíbrios e fraudes nesse meio, como também o há em qualquer outro (científico, religioso ou filosófico), o que, entretanto,não é o bastante para desmentir a existência do fenômeno em si, em virtude das milhares de ocorrências ufológicas testemunhadas por tantas pessoas, como relatam notícias no mundo todo, inclusive em território brasileiro.1

Seriam os complexos aparelhos tecnológicos da Terra modernos e potentes o suficiente para detectar vida inteligente em outros mundos? Aliás, o que dizer da notícia publicada na Revista Geográfica Universal, reproduzida em diversos noticiosos:

quarta-feira, 9 de outubro de 2013

LIVROS QUE RECOMENDO


Sinopse: Nesta nova coletânea, Ramatís nos demonstra que universalismo não é uma “colcha de retalhos” confeccionada por pedaços de cada religião, mas sim o entendimento panorâmico sobre as propostas e ideais de cada ser e a convivência pacífica entre aqueles que, apesar de pensarem de forma diferente, são filhos de um mesmo Pai, em busca do mesmo desiderato: a felicidade. Mostra que é hora de a humanidade dar um passo à frente, não modificando as bases magistralmente edificadas pelos luminares que aportaram na carne terrena e abriram um leque de alternativas de compreensão e entendimento da Realidade Maior, a fim de unir as pessoas e não separá-las. Explica ainda que esse esforço fraterno necessita de vozes fortes e decididas que possam demonstrar às criaturas a importância e a beleza que se encontram encerradas em todas as religiões e em todas as doutrinas filosóficas, porque tudo vem de Deus, a “causa primária”. E que, por isso, o ser não deve ficar confinado em sectarismos e ortodoxias, sob pena de cristalizar-se em uma “nova inquisição”, exigindo o “imprimatur” para vislumbrar a felicidade. 
Esta obra busca, portanto, a conscientização dos seres no sentido do soerguimento de uma humanidade mais unida, fraterna e solidária. Que esta fagulha de luz possa despertar reflexões e engajamentos nesta cruzada, tornando-se mais uma força na construção do planeta de regeneração tão aguardado por todos.

Pesquisa Nacional de Mídia Espírita


A área de Comunicação Social Espírita do Conselho Federativo Nacional da Federação Espírita Brasileira criou a Pesquisa Nacional de Mídias Espíritas, com o objetivo de ter em mãos um mapeamento do universo de veículos que disponibilizam conteúdo espírita. O cadastro é realizado pelo sitewww.feees.org.br/pesquisa , e é necessário que a Casa Espírita tenha um site ou qualquer outro meio que vise a divulgação da Doutrina Espírita. O projeto teve início no dia 19 de agosto e encerrará sua pesquisa no dia 6 de agosto de 2017.  Saiba mais informações no site www.feemt.org.br